Eustáquio Andreotti

Eustáquio Andreotti

Eustáquio Andreotti  

Psicólogo clínico, pós-graduado em psicossomática, professor de pós-graduação, palestrante corporativo e escolar.

Atuando na área clínica com adultos, adolescentes e casais há 28 anos. Palestrante há 26 anos em seminários abertos para aproximadamente 6.000 pessoas.

Realizando há 17 anos in company  temas relativos à “Qualidade de Vida”, “Teamwork”, “Sem Motivação, Não Há Realização”, “Sucesso”, “Mudança: Conscientização e Motivação”, “Stress: Conscientização e Prevenção” e “Auto-estima Infantil”.

Participação Corporativa:  Banco Fiat, Oficina de RH, Rosembluth International, Flytour, Voz Comunicação e Marketing, ST Publicidade, Biondi Marketing Político, Banco Banespa, Banco Santander, Esporte Clube Pinheiros, Thinker Marketing Consult, Secretaria do Estado de São Paulo, Amcham-Câmara Americana de Comércio, Espade-Escola Paulista de Arte e Decoração, HSM Eventos Internacionais, Seguradora América Latina, Protege Segurança de Valores, CVV-Centro de Valorização da Vida de São Paulo, Rotary Club de São Caetano do Sul, Rotary Club de Mauá, Rotary Club de São Bernardo do Campo, Universidade Estácio de Sá, Areva, G-Tech do Brasil, Thiene Participações, Cooperativa de Serviços Médicos e Hospitalares de Jacareí, Fischer+Fala e Espaço Cultural Theo Dutra.

Post to Twitter

  • Share/Bookmark
Twitter Digg Delicious Stumbleupon Technorati Facebook

6 Responses to “Eustáquio Andreotti”

  1. Roberta Mestieri 03. fev, 2010 at 18:02

    Taco,

    Gostei muito da proposta! o layout está muito bonito, clean e gostoso de navegar, bem como os temas, bastante interessantes. Adorei o ítem Viver a Vida, e vou publicar 2 grandes acontecimentos, quando eu superar totalmente ok ? Vou indicar para outras pessoas tbem.

    Muito sucesso!

    beijos

    Roberta

  2. Obrigado e participe!!!

  3. “Seja quente ou seja frio, não seja morno que eu te vomito”. É exatamente isso que está escrito na carta de Laudicéia: seja quente ou seja frio, não seja morno que eu te vomito. É preferível o erro à omissão; o fracasso, ao tédio; o escândalo, ao vazio. Porque já vi grandes livros e filmes sobre a tristeza, a tragédia, o fracasso.
    …..Mas ninguém narra o ócio, a acomodação, o não fazer, o remanso. Colabore com seu biógrafo: faça, erre, tente, falhe, lute. Mas, por favor, não jogue fora, se acomodando, a extraordinária oportunidade de ter vivido.
    …..Tenho consciência que cada homem foi feito para fazer história. Que todo homem é um milagre e traz em si uma evolução. Que é mais do que sexo ou dinheiro. Você foi criado para construir pirâmides e versos, descobrir continentes e mundos, caminhando sempre com um saco de interrogações na mão e uma caixa de possibilidades na outra.”
    (Nizan Guanaes)
    Go ahead!Take care! See you!
    R.

  4. Oi, Roberta!!!
    Gostei de Laudicéia, é isso aí, errando e/ou acertando vamos caminhando e fazendo história. Obrigado, Taco.

  5. Nello Andreotti 27. mar, 2010 at 20:33

    Meu filho , TACO, meus parabens, a vida é luta renhida lutar é viver, PROTESTAR TAMBÉM.O mais importante é conhecer e ser conhecido, ISTO PORQUE, na relação das coisas,em realidade ,não sabemos nada.

    DO NELÃO .

  6. TACO, adoramos a frase do LORI, mas, não conseguimos transmitir, você precisa saber que entendemos de direito,mas, de INTERNET, ainda, estamos no ” jardim de infãncia”, mas, de uma forma , ou, outra, sua frase s\erá histórica e antológica,isto, sem sombras de dúvidas.que inteligência, que perpicácia, que longa vida já passou para tanta experiência.